NUPPSAM
Notícias
O NUPPSAM
Projetos e Pesquisas
Projeto Familiares Parceiros do Cuidado
Cursos
Publicações de pesquisadores do NUPPSAM
Bibliografia indicada para cursos do NUPPSAM
Em debate
Contato
Desinstitucionalização & Atenção Comunitária no Brasil: Relatório Final do Seminário FIOCRUZ-GULBENKIAN
Em destaque

V Congresso Familiares Parceiros do Cuidado
Familiares e usuários como parceiros na pesquisa, no ensino e no cuidado

08 e 09 de dezembro de 2016, de 9:00h às 17:00h

Local: Instituto de Psiquiatria da UFRJ (IPUB)


Vem aí o V Congresso Familiares Parceiros do Cuidado. O Congresso debaterá temas relacionados à saúde mental, participação dos familiares e usuários, funcionamento dos CAPS, participação dos familiares e usuários no meio acadêmico, compartilhamento do conhecimento e outros assuntos do interesse do campo da atenção psicossocial. Faça sua inscrição!

Inscrições: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdoD34LogQvQVR1RGV3QdnOje6_BiHzeiREQ23CA9ezXrGH2Q/viewform?usp=send_form

         As inscrições de trabalhos e relatos de experiência estão abertas até o dia 30 de novembro. Os trabalhos devem abordar o tema da participação de familiares no cuidado em Saúde Mental.

Inscreva seu trabalho pelo link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSc3kk_BrWPS9YFAMmkbHrjXnxTImhzMXRZ7kYJTm9bd1oHgzQ/viewform 

Segue, abaixo, a programação:


     

           







Minhas impressões do Encontro e Assembleia de criação da Associação de familiares, usuários, profissionais e amigos da saúde mental de Silva Jardim e região


Ontem, dia 1º de setembro de 2016, quinta-feira, foi meu primeiro dia como estagiária do Núcleo de Pesquisa em Políticas Públicas de Saúde Mental (NUPPSAM). Foi também o dia em que, juntamente com a equipe deste núcleo, participei do encontro e da criação da primeira Associação de usuários, familiares, profissionais e amigos da saúde mental de Silva Jardim e região.

Eu e alguns profissionais e estagiários da equipe do NUPPSAM nos encontramos às 8 horas da manhã no campus Praia Vermelha da UFRJ, onde uma van e um carro enviados pela prefeitura do município de Silva Jardim nos esperavam para nos transportar até lá. Passamos no centro da cidade e em São Gonçalo para buscar familiares e usuários que fazem parte do nosso círculo de familiares parceiros do cuidado; depois, seguimos direto para Silva Jardim.

A viagem foi rápida e tranquila, e quando chegamos ao Teatro Zezé Macedo em Silva Jardim, onde o encontro aconteceria, fomos muito bem recebidos com sorrisos, cumprimentos de boas-vindas e uma farta mesa de café-da-manhã.

Assim que todos os presentes comeram e se acomodaram dentro do teatro, as atividades começaram com uma mesa composta por profissionais da Secretaria Municipal de Saúde de Silva Jardim, das Redes de Atenção Psicossocial desse mesmo município e dos vizinhos Rio Bonito e Casimiro de Abreu, além de uma mãe e um usuário do CAPS de Silva Jardim, de duas familiares representantes do círculo de familiares parceiros do cuidado, e do Pedro Gabriel Delgado, coordenador do NUPPSAM. Para mim, alguns pontos importantes e em comum na fala de todos os componentes da mesa foram a gratidão por estarem fazendo parte deste momento de criação de uma associação e a importância de criá-la, por ser um espaço de união, troca de experiências e solidariedade para os familiares e usuários, promovendo também um diálogo cada vez maior e melhor entre eles e os profissionais de saúde, e consequentemente colaborando para seu fortalecimento e empoderamento diante da situação de um transtorno mental na família.

Após a mesa de abertura, uma atividade conduzida por Melissa, terapeuta ocupacional da equipe NUPPSAM, promoveu um momento de relaxamento, convívio e trocas entre todos os presentes. Primeiro formamos uma roda, na qual todos dissemos nosso nome em voz alta, e em seguida sentamos juntos e recebemos tintas, pinceis, esponjinhas, cola e figuras de jornal para decorar uma caixinha de madeira, a qual pudemos levar para casa no final do encontro. Essa atividade foi um dos meus momentos preferidos no dia!

Depois disso, andamos até o CAPS de Silva Jardim, onde nos foi oferecido um almoço tão farto e delicioso quanto o café da manhã, e pudemos conhecer não só o espaço físico como alguns profissionais do CAPS e saber sobre seu funcionamento. Fiquei encantada com o ambiente e com as pessoas que lá trabalham, me pareceu ser de muita competência e acolhimento.

Por fim, ao retornarmos do almoço, ouvimos mais alguns profissionais dos três municípios interessados em criar a associação, além de familiares do nosso círculo e do Pedro Gabriel. Todas as falas reforçaram a importância de se criar uma associação, por todos os motivos já listados anteriormente, e ao final delas, fez-se uma votação na qual todos os presentes se manifestaram a favor da criação da Associação naquele momento. Esta foi criada, portanto, e instituiu-se um conselho provisório, composto por profissionais e familiares dos municípios de Silva Jardim, Casimiro de Abreu e Rio Bonito, além de uma estagiária e uma assistente social do NUPPSAM.

Posso dizer que saí de Silva Jardim muito feliz com a criação da Associação, especialmente por ver o interesse tão genuíno tanto dos profissionais, quanto dos familiares no cuidado e em promover este meio de empoderamento, participação social e solidariedade que é a Associação. Foi uma ótima maneira de começar o estágio, em contato com profissionais, familiares e usuários, e imersa na experiência gratificante de tudo que aconteceu neste dia em Silva Jardim.

Isadora Gomes Sampaio

Estagiária PIBIC - 9º período de Psicologia




     

     




Escolha sem compromisso


Benilton Bezerra Jr e Pedro Gabriel Delgado publicaram no dia 15/01/16, no jornal O Globo, um artigo-resposta ao ministro Marcelo Castro. O artigo "Escolha sem compromisso" revela a contradição do Ministro Marcelo Castro - que em artigo anterior no mesmo jornal afirmou seu 'compromisso com  a saúde mental' -, ao indicar o psiquiatra Valencius Wurch Duarte Filho para a Coordenação Nacional de Saúde Mental.

Leia o artigo na íntegra: http://oglobo.globo.com/opiniao/escolha-sem-compromisso-18477755






Desinstitucionalização & Atenção Comunitária no Brasil: Relatório Final do Seminário FIOCRUZ-GULBENKIAN
 
Para contribuir com o debate sobre a reforma psiquiátrica brasileira, neste momento de grave crise e ameaça à continuidade da política de saúde mental, divulgamos novamente o documento técnico do Seminário Internacional sobre Desinstitucionalização e Atenção Comunitária no Brasil, realizado em março de 2015 pela FIOCRUZ e Fundação Calouste Gulbenkian, com participação da OMS, OPAS e Ministério da Saúde.           

Como Anexo do documento, são publicadas as Conclusões Finais e Recomendações, aprovadas pela Plenária Final do Seminário. 

Clique aqui para ler o documento.
                     







MANIFESTO CONTRA A REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL
 
Nós, trabalhadores, residentes, professores e estudantes do campo da saúde mental, saúde geral, assistência social, educação, justiça e direitos, reunidos no dia 30/6/2015, em nome da Atenção Psicossocial da Infância e Adolescência, através do Curso de Extensão em Políticas Públicas de Saúde Mental do IPUB/UFRJ, vimos nos manifestar contra a redução da maioridade penal.
Defendemos a plena execução do Estatuto da Criança e do Adolescente, que tem instrumentos potentes e fundamentados no marco dos direitos humanos para a responsabilização de crianças e adolescentes autores de infrações graves.
 
Defendemos o Estado democrático de direito, o desenvolvimento de políticas sociais efetivas, o direito político de participação. Defendemos a participação mais efetiva do Estado na promoção da cidadania de grupos vulneráveis. 

Opomos-nos integralmente a debates públicos marcados pelo cerceamento da participação popular, como o realizado no dia de hoje no Congresso Nacional brasileiro.
 
Não à redução da maioridade penal !

Não à redução da função social do Estado !

Não ao populismo penal !

Não à agenda conservadora do Congresso e da mídia !

Não ao cerceamento à participação popular no debate !
 

                                                                                                                                                Rio de Janeiro, 30 de junho de 2015.

Alunos, Professores e Colaboradores do Curso de Atenção Psicossocial da Infância e Adolescência
 
(Nuppsam/IPUB/UFRJ)


 






Em destaque
Notícias
O NUPPSAM
Projetos e Pesquisas
Projeto Familiares Parceiros do Cuidado
Cursos
Publicações de pesquisadores do NUPPSAM
Bibliografia indicada para cursos do NUPPSAM
Em debate
Contato